24
Out 10

Fui ontem assistir no TNDM á peça do Tennesse Williams, "Um eléctrico chamado desejo", encenada pelo Diogo Infante.

 

Como o filme de Elia Kazan sobre precisamente esta peça é um dos meu favoritos, infelizmente, mea culpa, passei o tempo todo a fazer comparações.

 

Albano Jerónimo com Marlon Brando, Alexandra Lencastre com Vivien Leigh, etc, etc, etc.

 

Aquela atmsofera do filme, o calor que emana dos corpos, as expressões faciais e corporais, as sombras, estiveram constantemente presentes na minha cabeça.

 

Talvez eu seja mais cinéfila que teatral!

 

Independentemente das minhas comparações e analisando mais friamente a peça, o que vi ontem foi uma encenação brilhante, uma boa movimentação de actores, luz e elementos de cena extremamente bem conseguidos.

 

 O encenador consegue transmitir a essência da peça, os actores são muito bons e a história é fabulosa, mas... na minha opinião Alexandra Lencastre, não pondo em causa o seu valor como actriz, não é Blanche duBois

 

 

http://www.teatro-dmaria.pt/Temporada/detalhe.aspx?idc=1607&ids=16

 

 

 

publicado por tiababinha às 22:00
sinto-me:
música: Por acaso, agora nada!!!!
tags:

Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO